Mesmo tomando muito cuidado, imprevistos podem acontecer durante as hospedagens: cortes, arranhões, irritações e machucados. Muitas vezes esse tipo de situação pode não ser grave, bastando apenas uma boa higienização da área, um curativo e observação.

Assim como para nós humanos que temos uma “farmacinha” em casa com analgésicos, remédios de uso comum, curativos e antisséptico, é importante que você também tenha em casa uma caixinha de primeiros socorros para pets. Com alguns poucos itens é possível ajudar o hóspede num primeiro momento, até mesmo para verificar a gravidade da situação.

A veterinária DogHero, Ingrid Stein, montou como sugestão uma lista dos itens mais importantes:

  • Gaze;
  • Esparadrapo;
  • Atadura;
  • Algodão;
  • Sabão neutro (sem perfume ou corante);
  • Antisséptico com clorexidina (como Merthiolate);
  • Soro fisiológico;
  • Soro fisiológico estéril (para os olhos): vendido em frascos menores, como doses únicas;
  • Tesoura sem ponta;
  • Pinça de sobrancelha para retirar farpas ou pequenos espinhos (de uso exclusivo dos pets)
  • Termômetro;
  • Luva de látex;
  • Seringa sem agulha ou conta-gotas para dar remédio pela boca;
  • Água oxigenada: para verificar se eventuais pontos vermelhos no vômito ou fezes são sangue.

Guarde os itens em uma caixa de uso exclusivo e, sempre que precisar fazer uso deles, mantenha a calma.